5 Conclusões da Maior Pesquisa Já Realizada com Americanos Trans Que Você Precisa Saber

This post is also available in: English 繁體中文

Ontem, o National Center for Transgender Equality (NCTE) publicou suas conclusões sobre uma pesquisa de 2015 com mais de 28.000 pessoas trans dos EUA, Samoa Americana, Guam, Porto Rico, e bases militares americanas no exterior — a maior pesquisa com indivíduos trans já realizada!

Infelizmente, os resultados mostram o quanto temos que avançar para alcançarmos justiça e igualdade social para a comunidade trans. Você pode conferir o relatório, mas aqui estão cinco conclusões importantes que você deve saber.

1) Quase metade sofreu abuso verbal no ano passado ou abuso sexual em algum momento de sua vida.

2) Cerca de 10% têm algum membro da família que ou se tornou violento ou os expulsaram de casa por se assumirem trans. 30% ficaram sem teto em algum ponto de suas vidas.

3) 77% sofreram maus-tratos na escola, 27% sofreram maus-tratos no trabalho e 58% sofreram maus-tratos da polícia.

4) Aproximadamente 29% vivem na pobreza — em comparação com 14% da população dos EUA — e essa porcentagem sobe para 40% para pessoas trans que não são brancas.

5) Cerca de 40% sofreram sérios abalos psicológicos e a mesma quantidade já tentou o suicídio — nove vezes mais do que a média dos EUA.

Das pessoas que participaram, 68% afirmaram que nenhum dos documentos de identidade expedidos pelo governo refletiam seus nomes ou identidade de gênero; dentre essas pessoas cerca de metade também não podia arcar com os custos financeiros para mudar seus documentos.

 

Traduzido por Rafael Lessa.