Ana Paula Valadão: “Sexo hétero não gera doença. Sexo gay é que causa AIDS”; assista

Ana Paula Valadão: “Sexo hétero não gera doença. Sexo gay é que causa AIDS”; assista

Be first to like this.

Ana Paula Valadão embarca em mais um show de LGBTfobia (que vale lembrar, é crime no Brasil), preconceito e ignorância. A “cantora” gospel fez afirmações absurdas fomentando desinformação sobre saúde, além do já esperado – vindo dela – preconceito com a população LGBT, que mais uma vez ela fez questão de colocar pra fora.

Sem qualquer respaldo ou conhecimento científico no assunto, de maneira preconceituosa e criminosa, Ana Paula Valadão afirmou que “sexo entre homem e mulher não transmite doença nenhuma” e que “o que causa a AIDS é o sexo gay”.

Um detalhe agora, sem achismo, sem fundamentalismo religioso, sem ignorância e sem preconceito. Apenas com ciência: 58% das pessoas que vivem com HIV atualmente são heterossexuais. E então, Ana Paula Valadão?

E se considerarmos a população lésbica dentre a comunidade LGBT, o índice de ISTs é infinitamente menor do que entre casais heterossexuais. Casais heterossexuais, principalmente nos recortes de 15 a 25 anos e acima de 60, tem índices recordes de doenças como herpes, clamídia, dentre outras ISTs. Isso tudo pela falta de informação sobre sexo nas escolas e também ignorância de gerações antigas quanto a viver uma sexualidade responsável, segura e saudável. E então, Ana Paula Valadão?

“UM SHOW DE HOMOFOBIA! Primeiro o @andrevadao diz que ‘igreja não é lugar para LGBTQI+’ e agora a Ana Paula diz coisas ABSURDAS como ‘sexo entre dois homens CAUSA a AIDS’. Um show de preconceito e desinformação! Isso é INADMISSÍVEL”, disse o internauta Lucão (@badlucao), que anexou o vídeo ao post que já teve mais de 200 mil visualizações.

Quantcast