Fotógrafo celebra a diversidade do corpo clicando homens grandes nus

This post is also available in: English Español Français ไทย 繁體中文

Anthony Patrick Manieri é um fotógrafo e diretor de de arte especializado em alimentos, paisagens e casamentos, mas também tem um projeto que promove e celebra a imagem positiva do corpo masculino. O projeto se chama Arrested Movement e coloca no centro homens de todas as cores e tamanhos. O projeto é lindo e você pode até fazer parte dele caso more na América do Norte ou na Europa Ocidental.

“Nós, culturalmente, somos bombardeados com o que é considerado bonito e aceitável através da televisão, filmes, publicidade e o gigante dominante das mídias sociais”, diz Manieri em seu site.

He continues:

Se realmente nos amássemos de dentro para fora, viveríamos sem julgamento, sem ego negativo. Imbatível. Minha esperança é que o resultado final desse projeto seja criar um diálogo sobre amar-se e criar um efeito ondulatório na consciência social.

Nós descobrimos o projeto depois que Manieri tirou fotos em preto e branco de um dos nossos amigos da cidade de Nova York. Embora já tenhamos visto fotos do mesmo estilo antes, o Manieri é diferente de duas maneiras notáveis.

LEIA TAMBÉM | ‘The Everyman Project’ Celebrates the Bodies We Never See in Advertising (Photos)

Primeiro, os homens não são apenas colocados em um estilo pin-up. Eles são capturados em poses elegantes de balé. Como resultado, seus retratos capturam uma beleza, graça, movimento dinâmico que muitas vezes não estão presentes em imagens de homens nus.

Em segundo lugar, as poses feitas ajudam cada homem a irradiar sua própria e silenciosa confiança e personalidade, fazendo com que cada retrato pareça mais íntimo e leve do que se os homens estivessem simplesmente flexionando ou levemente posando.

Veja algumas das fotos do projeto Arrested Movement de Anthony Manieri:

Embora nosso amigo nos tenha dito que Manieri fazer um grande lançamento em breve, ele ainda está trabalhando em seu projeto. Ele já lançou um vídeo teaser e ainda tem planos para fazer fotos de caras no Canadá em Halifax, Ottawa e Vancouver; Estados Unidos em Atlanta, Dallas, Los Angeles, Miami, Nova York, Phoenix e Seattle; e na Europa em Hamburgo, Londres, Madrid, Paris e Roma.

Ele já fotografou homens em Montreal, Toronto e Londres. E se você quiser modelar para ele quando ele chegar na sua cidade, inscreva-se no seu site.

Veja um vídeo de seu projeto:

Imagem em destaque via the Arrested Movement Instagram

(Visited 549 times, 1 visits today)