Crianças com pais do mesmo sexo são tão felizes quanto as com pais heterossexuais

Novo estudo revela que Crianças com pais do mesmo sexo estão indo bem, notícia que não choca ninguém, exceto os homofóbicos. O estudo analisou dados da Pesquisa Nacional Americana de Saúde de 2013 a 2016 que provaram que crianças com pais do mesmo sexo, assim como crianças com pais heterossexuais vão bem na escola, vizinhança e outros.

Os pesquisadores analisaram dados coletados a partir de 21.000 crianças entre as idades de 4 e 17. A pesquisa analisou a saúde emocional, mental e psicológica de crianças e pais. Essa é a pesquisa mais recente em meio a uma infinidade de outros estudos que tentam demonstrar que os pais do mesmo sexo são tão qualificados para criar filhos como qualquer outro. Alguns estudos sugerem que eles são ainda melhores.

Este estudo descobriu que não há dificuldades acrescidas para crianças com parceiros homossexuais. No entanto, encontrou crianças com pais bissexuais que tiveram pontuações ligeiramente mais baixas. Os pesquisadores levaram em conta o estresse psicológico sofrido pelos pais e a diferença desapareceu.

Eles teorizam que este é provavelmente o resultado das dificuldades enfrentadas pelos pais em uma sociedade que estigma sua orientação sexual. Os autores sugerem que uma “sociedade mais inclusiva pode ajudar a reduzir esse estresse e melhorar o bem-estar mental de crianças com pais bissexuais”.

O autor principal da pesquisa, Dr. Jerel Calzo, da Escola Superior de Saúde Pública da Universidade Estadual de San Diego disse: “À medida que as famílias de lésbicas, gays e bissexuais tornam-se mais visíveis, os resultados reforçam estudos anteriores revelando que as crianças criadas nessas famílias têm um bem-estar psicológico comparável com crianças criadas por pais heterossexuais”.

 

Estigma e equívocos

Relatórios de estimativa contam que até 6 milhões de pessoas nos EUA são filhos de pais do mesmo sexo, mas um estudo de 2015 encontrou mais de um terço de americanos que não acreditam que um casal homossexual possa ser bons pais para uma criança. Este estudo espera dissipar esses mitos.

“O potencial efeitos sobre uma criança criada por pais do mesmo sexo está ligado uma fonte pública e política de debate”, disse Dr. Jerel Calzo. Ele também afirmou: “Filhos e filhas apresentam mais abertura para a diversidade sexual, de gênero e familiar”. O relatório concluiu que o governo precisa fazer mais para apoiar os pais do mesmo sexo.

(Visited 17 times, 1 visits today)