Casal gay é preso na Tailândia por mostrar bunda em templos sagrados

This post is also available in: English Español Français ไทย 繁體中文 Українська

Durante o verão, muita gente seguiu a tendência de tirar fotos do traseiro nos locais que visitava. A conta do Instagram @cheekyexploits encoraja as pessoas a enviar suas imagens da bunda para “espalhar o amor e fazer o mundo mais feliz”. Desde julho de 2016, mais de 600 fotos de todo o mundo foram postadas. Muitos dos caras (e meninas) retratados apresentam com muito humor e bom gosto sua linda bunda em lugares a céu aberto.

E a @cheekyexploits não é a única conta do Instagram que compila tais fotos.

A dupla de Instagram @traveling_butts – um casal que mora em San Diego chamado Joseph e Travis Dasilva – construiu seus seguidores nesta tendência. O casal atraiu mais de 114 mil seguidores ao compartilhar posts “insolentes” do Capitólio em Washington, D.C .; o Louvre em Paris; e outros marcos mundiais famosos.

A última viagem da dupla do Instagram, no entanto, provocou controvérsias, resultou em prisões e o casal até suspendeu a conta.

 

traveling butts

Quando estavam de viagem pela Tailândia, a dupla visitou os Templos de Wat Arun e Wat Arun, onde eles baixaram as calças e clicaram as fotos do Instagram em frente aos marcos sagrados.

traveling butts

Ambos os templos têm uma história rica, datando até o século XVII. E, como acontece com muitos locais sagrados, existem regras rígidas a serem seguidas durante a visitação. Por exemplo, as mulheres têm que cobrir seus braços e pernas.

traveling butts

Nem precisamos dizer que a graça do casal sai mal. O povo tailandês ficou indignado com a falta de respeito.

Já fartos do fenômeno “Beg-Packing”, muitos cidadãos tailandeses acham que tiveram o suficiente de turistas ocidentais. Joseph e Travis Dasilva receberam críticas severas e ameaças online. Alguns pediram que deixassem a Tailândia imediatamente. Outros eram homofóbicos, como um que os chamava de “viadinhos em busca de atenção”. Eles até conseguiram algumas ameaças de morte, com um comentário: “Tem uma arma atrás das costas de vocês”.

Um colunista tailandês suscita questões importantes de contexto – Um lugar sagrado é o melhor lugar para uma foto de Instagram? – e como combater os estereótipos de turistas americanos privilegiados e mimados.

Ele diz: “É um privilégio viajar para outros países, não um direito. Como turistas, todos os viajantes devem estar cientes dos costumes e crenças das pessoas. Esse comportamento é desrespeitoso”.

O governo tailandês aparentemente concorda. Os dois homens foram detidos e mantidos em custódia. A multa para liberação é de 5000 baht, ou aproximadamente R$ 450.

SaveSaveSaveSave

SaveSaveSaveSave

SaveSave

SaveSave

SaveSave

SaveSave

SaveSave