Documentário da Netflix sobre Marsha P. Johnson de Stonewall é acusado de plágio

Documentário da Netflix sobre Marsha P. Johnson de Stonewall é acusado de plágio

Be first to like this.

This post is also available in: English

Na última sexta, a Netflix lançou The Death and Life of Marsha P. Johnson, um documentário sobre a mulher que teria atirado o primeiro tijolo na Rebelião de Stonewall. Nesse final de semana, no entanto, a cineasta Reina Gossett acusou o diretor de Death and Life David France de roubar não só sua ideia como sua pesquisa.

Em um post no Instagram no sábado, Gossett escreveu o seguinte, que editamos para ficar mais claro:

Essa semana enquanto estou pegando dinheiro emprestado para pagar o aluguel, David France está lançando seu negócio multimilionário com a Netflix sobre a Marsha P. Johnson. Eu ainda estou meio perdida tentando não ligar e chocada como esse filme foi feito e rende tanto dinheiro com as nossas vidas e ideias.

David teve sua inspiração para fazer esse filme a partir de um vídeo para um pedido de concessão que @sashawortzel & eu fizemos e mandamos para a Kalamazoo/Arcus Foundation Social Justice Center enquanto ele fazia uma visita. Ele falou para as pessoas que trabalhavam lá — eu não estou brincando — que era ele que devia fazer esse filme. [Ele] recebeu financiamento da Sundance/Arcus usando minha linguagem e pesquisa sobre a STAR. [Ele] fez o Vimeo remover meu vídeo do discurso crítico “é melhor vocês se acalmarem” da Sylvia, roubou décadas do meu arquivo de pesquisas que eu sofri violência para conseguir.

[Ele então] fez sua equipe ligar para a Sasha no trabalho para pegar nossos contatos e contratou a nossa consultora do nosso filme da Marsha, Kimberly Reed, para ser sua produtora. ACREDITE?TEM?MUITO?MAIS?.

Esse tipo de extração/escavação da vida negra, vida deficiente, vida pobre, vida trans é tão antiga e tão profundamente conectada com a violência que a Marsha teve que lidar por toda sua vida.

Então eu sinto tanta raiva e pesar por tudo isso & a STAR deve ter um plano bem sério para passar por muitas pessoas — e claramente por qualquer meio necessário — para espalhar sua mensagem. Então hoje eu estou canalizando energia de sacerdotisa para me acalmar porque estou assim ???.

Related Stories

A atualização mais recente do Hornet permite que superusuários aproveitem seus fãs e seguidores ao máximo
“Retorno de Saturno” aborda a vida adulta de LGBTs, assista trailer
Estudo de vacina preventiva ao HIV busca voluntários no Brasil
Edição de outubro do Ensaios Perversos traz bate-papo com Doutora Drag, performances e festa virtual
Quantcast