Quantcast
O Vídeo De Sexo Oral Que Vazou Do Milk Lin (牛奶哥哥(林宗彥)) Poderia Ajudar Os Direitos LGBT Na Ásia? NSFW

O Vídeo De Sexo Oral Que Vazou Do Milk Lin (牛奶哥哥(林宗彥)) Poderia Ajudar Os Direitos LGBT Na Ásia?

Written by Matt Keeley on January 22, 2016
Be first to like this.

This post is also available in: Deutsch English


O Apresentador de tv taiwanês Milk Lin (牛奶哥哥(林宗彥)) virou notícia (link em Chinês) por causa de um vídeo caseiro de um boquete que o seu amigo que mora com ele (e recebeu o boquete) vazou na internet. De acordo com o QueerClick (NSFW), essa é a terceira vez que o Lin vai parar na internet fazendo a mesma coisa, apesar de que o Lin alegou nas duas vezes anteriores — que se tratavam de fotos — que tinham usado photoshop. Uhuuum… tá bom.

Mas isso nos fez pensar: tirar ele do armário poderia ajudar a aumentar os direitos LGBT pela Ásia?

好黑

A post shared by 林牛奶 (@arison0808) on

Enquanto o vizinho mais próximo de Taiwan, a China, não tem o melhor histórico com direitos LGBT, Taiwan está bem atento no que diz respeito a igualdade: Homossexualidade não é crime lá, e apesar do casamento gay não ser legal a nível nacional, as cidades de Kaohsiung e Taipé (capital de Taiwan) permitiram que casais gays registrassem uma parceria civil pela primeira vez esse ano. O registro, infelizmente, não estendia à benefícios de saúde, mas ainda há progresso.

A nível nacional em Taiwan, há uma proposta aberta para votação que iria legalizar o casamento homoafetivo, apesar de que ainda não foi votado. Na verdade, parece que Taiwan está encarando algumas das mesmas circunstâncias que levou à legalização da igualdade do casamento nos EUA: A maioria dos cidadãos taiwaneses de várias gerações apoiam o casamento igualitário, e o Ministro da Justiça já defendeu a legalização do casamento homoafetivo também.

Se Taiwan legalizar o casamento igualitário, seria o primeiro país asiático a faze-lo. Taipé tem sediado paradas gay por 14 anos, e as pessoas vem de toda parte da Ásia para comemorar liberdades lá que eles não tem nos seus próprios países. A parada desse ano está agendada para o Halloween.

Os cidadãos taiwaneses gay estão protegidos de discriminação no local de trabalho, podem servir nas forças armadas, e os livros didáticos taiwaneses nas escolas promovem a tolerância. Isso é diferente da maioria dos outros países na Ásia, como a Malásia, onde um homem gay (a homossexualidade feminina é legal lá) pode ser chicoteado ou passar até 20 anos na prisão. Outros países, como Camboja e Laos nunca baniram a homossexualidade, mas eles também não tem nenhuma proteção para cidadãos gays, inclusive a Camboja tem uma proibição constitucional contra o casamento gay. O pior na Ásia fora do Oriente Médio, no entanto, é Brunei, onde a homossexualidade é punida com até 10 anos de prisão ou morte por apedrejamento.

Devemos aguardar para ver se a natureza progressista de Taiwan vai se espalhar pelo resto do leste asiático, especialmente por causa da revelação recente do #MilkLin (#牛奶哥哥 (#林宗彥)), mas como Taipé é conhecida como a capital gay da Ásia, talvez outros países notem o aumento do turismo gay e mudem suas políticas para atrair pessoas gays do exterior para gastarem seu dinheiro lá.

E se você quiser ver mais fotos do Milk Lin, dá uma olhada no Instagram dele.

Read more stories by just signing up

or Download the App to read the latest stories

Already a member? Log in
Português
  • English
  • Français
  • Español
  • ไทย
  • 繁體中文