Tom Ford para a Revista GQ: ‘Todos os Homens Deveriam Ser Penetrados’

This post is also available in: English 繁體中文

Um dos nomes mais respeitados e mais sexy do mundo da moda vem rendendo várias manchetes ultimamente. Tudo graças a uma conquista recente que não tem a ver com a alfaiataria: o lançamento de seu segundo trabalho como roteirista e diretor, Animais Noturnos (Nocturnal Animals), estrelando Jake Gyllenhaal, Amy Adams e Aaron-Taylor Johnson (quem falamos anteriormente que era o verdadeiro motivo para ver o filme).

A mais recente declaração indutora de manchetes do Ford, no entanto, é bem… provocativa.

O jornalista do artigo recente da GQ sobre o prolífico mestre da moda lembrou da última vez em que Ford foi entrevistado pela revista, quando ele aparentemente deu em cima do entrevistador hétero e disse algo como “Todo homem deveria ser penetrado”. A citação dessa vez é acompanhada de um suspiro, pois Ford admite com vergonha que estava bêbado quando deu a entrevista para o artigo anterior.

Mas qual a opinião dele atualmente sobre o assunto? Ele ainda acha que todos os homens deveriam ser comidos?

No final das contas ele disse o que ele queria dizer e confirma na nova entrevista. Leia a conversa completa abaixo:

[Ford] suspira. Foi uma conversa e tanto. Eu disse a ele que havia muitas expectativas, considerando a sua última entrevista para a GQ—aquela que ele deu em cima do jornalista (heterossexual). Eu não tinha tais expectativas, mas, bem, ele ainda acha o que ele disse? Que todo homem deveria ser penetrado? Ele suspira de novo. Ele não quer entrar nesse mérito. “Eu estava apenas zoando ele,” afirma, acrescentando que ele leu o artigo atentamente quando foi publicado, e o tempo todo se perguntava “Meu Deus, no que eu estava pensando?” Ele estava bêbado, diz ele. Ele não quis dizer isso, diz ele. Ok, ele quis dizer isso, diz ele, mas ele não deveria ter falado isso.

Mas o Tom Ford continua a falar sobre o assunto, e ele não consegue se conter. Então ele diz essa seguinte coisa, e não soa tão lasciva, como poderia ter soado anos atrás, mas bem pensada e consciente: Sim, ele afirma, todos os homens deveriam ser penetrados em algum momento. E não no sentido emocional. Ele quer dizer que todos os homens deveriam ser f*didos. “Eu acho que os ajudariam a entender as mulheres” argumenta. “É uma posição tão vulnerável de se estar, e é uma posição tão passiva de se estar. E há uma invasão tão grande, de certa forma, que mesmo que seja consensual, é muito pessoal. E eu acho que há uma psique que acontece por causa disso que te faz entender e apreciar o que as mulheres passam durante suas vidas inteiras, porque não é só sexual, é um sistema completo do modo como o mundo funciona, de que um sexo tenha a capacidade literalmente—e é o esperado e o desejado—mas também há uma invasão. E eu acho que isso é algo que os homens não entendem nem um pouco.”

Além disso no novo artigo da GQ, Ford fala sobre sua nova família (que agora tem uma criança de 4 anos), seus amor por Los Angeles e sua obsessão pela morte.