Casal gay
Casal gay

Casal gay acusa organização de festa de impedir entrada por homofobia

Um casal italiano disse ter sido impedido de entrar em uma festa na praia de Boscoli pela segurança do evento por se tratar de dois gays. O episódio de discriminação acabou na polícia, visto que as vítimas se sentiram humilhadas ao serem barradas por causa de sua sexualidade.

O site Gay Star News falou com Giuseppe Pitirollo e seu marido, Daniele Bausilio que explicaram como aconteceu o caso homofóbico. “Tentamos entrar, mas fomos barrados pelo segurança, que disse que era uma festa apenas para casais, o que segundo ele, é só a união entre homem e mulher”, relatou Giuseppe.

Giuseppe, então, decidiu lembrar ao segurança que havia registrado sua união civil em junho de 2017, algo que é permitido na Itália desde 2016. Mesmo com outras pessoas saindo em defesa do casal, Giuseppe e Daniele continuaram sem poder entrar na festa, até que o dono do local foi chamado, mas corroborou com a postura intolerante do segurança e alegou que o casal estava bêbado, por isso não poderiam entrar na festa. “Pedimos então para fazer o teste do bafômetro para provar que estávamos completamente sóbrios, mas eles se recusaram”, disse Giuseppe.

“Nos sentimos humilhados. Eles nos diminuíram na frente de outras pessoas. Ver nossos direitos sendo negados de maneira tão descarada é vergonhoso”, afirmou Giuseppe. Como se não bastasse todo o constrangimento sofrido pelo casal, a organização da festa se manifestou negando a acusação de homofobia. “Alguns exploram sua orientação sexual para culpar outras pessoas. Somos respeitosos com todas as escolhas, mas nos reservamos o direito de recusar a entrada de qualquer pessoa que não esteja de acordo com nossa política de gentileza e respeito aos outros ”, escreveu o proprietário do local, Luciano Santini.

(Visited 44 times, 1 visits today)