Homem trans
Homem trans

Homem trans é expulso de sauna gay por não ter pênis

This post is also available in: Español

Homem trans foi expulso de uma sauna gay em Londres porque não tinha um pênis. O absurdo aconteceu com um homem de 26 anos, que preferiu manter o anonimato. O rapaz foi convidado a se retirar da Sailors Sauna, no bairro de Limehouse na capital britânica. As informações são do site Gay Star News.

Ele contou em entrevista que decidiu ir ao local, onde a entrada de homens é permitida sem qualquer distinção entre homens cisgêneros (com pênis) ou transgêneros (nascidos do sexo biológico feminino): “Fiquei receoso por ser transgênero e não ter qualquer operação genital, mas um amigo que foi comigo me assegurou de que não teria porque ter algum problema”, conta o rapaz.

Ele conta que chegou a checar o site do estabelecimento pra ter certeza de que não havia qualquer regra quanto a ter ou não um pênis. Inicialmente sua entrada foi permitida no estabelecimento, mas após um cliente reclamar de sua presença por lá, alegando de maneira transfóbica que “uma mulher estava no estabelecimento”, o rapaz foi convidado a se retirar.

Homem trans

“Não pude permanecer lá por causa do meu órgão genital!”, disse o rapaz que tem todos os documentos retificados no gênero masculino e teve sua entrada permitida justamente por isso. Ele pediu reembolso da entrada que havia pago e descreveu o incidente como uma experiência humilhante.

A saber, no Reino Unido existe o Equality Act, um código que protege pessoas trans neste sentido, garantindo respeito a sua identidade de gênero independente de ter um órgão genital operado, ter realizado transição ou não, desde 2010.

Em um comunicado, a Sauna Sailors afirmou: “Gostaríamos de nos desculpar pelo que aconteceu. Entendemos que o rapaz seja homem sim independente de seu órgão genital. O cliente foi reembolsado e pedimos sinceras desculpas. Gostaríamos de confirmar que homens trans são bem-vindos em nossa sauna”, concluíram prometendo não cometer novamente a transfobia.