Meu filho descobriu que sou gay: e agora, como dialogar?

Meu filho descobriu que sou gay: e agora, como dialogar?

Be first to like this.

Meu filho descobriu que sou gay: e agora, como dialogar? Pais que lidam com a descoberta do filho é muito comum, independentemente das reações e consequências que já conhecemos, mas filhos que descobre que o pai é gay ou pais que contam a seus filhos que descobriram sua sexualidade com homens após um casamento heteronormativo é bem menos comum e as reações podem ser desastrosas para uma família já estabelecida.

Neste vídeo, podemos ter uma ideia sobre o que o diálogo pode construir através de pessoas com diferenças temporais e sobre como a educação sexual desde a infância pode trazer benefícios nas concepções sobre a sexualidade de uma pessoa adulta.

Muitos homens, por razões políticas, sociais, familiares, questões de trabalho e opressão, só saem do armário depois de já terem tentado uma vida normativa antes, incluindo casamento e filhos, muitos apenas descobre essa sexualidade mais tarde e outros passam a vida inteira reprimindo.

É comum, em nossa sociedade, saber ou ouvir falar de homens que mantêm uma vida dupla, dentro e fora de um casamento normativo, por simplesmente não “poder” assumir uma possível bissexualidade ou sair do armário de vez. E filho, dentro deste casamento, pode parecer um impedimento para este homem, mas não precisa ser.

O diálogo com seu filho, desde cedo, pode amenizar esse drama, bem como, uma conversa adulta, caso seu filho já o seja, pode, inclusive, evitar revolta, medo e insegurança na convivência com este “novo pai”, visto que, sabendo através do próprio e não por terceiros, a relação de verdade fica estabelecida.

Laços familiares precisam ser apertados diariamente, para que eventualidades não sejam capazes de desfazer anos de convivência e afeto já existentes dentro de famílias com membros LGBT. Pais e filhos têm vidas independentes e é preciso se fazer entender que este filho não pode interferir na vida de um pai que entendeu que o armário não é uma escolha mais.

Marcio Rolim é editor de conteúdo do Hornet para o qual já escreveu mais de 3 mil artigos de sobre comportamento LGBTQIA+ e também produz conteúdo para o canal Bee40tona no Instagram e no YouTube.

Quantcast