Mudança pós quarentena: o que você aprendeu com o isolamento social

Mudança pós quarentena: o que você aprendeu com o isolamento social

Be first to like this.

Será que vai existir uma real mudança pós quarentena em nossas vidas? O isolamento social trouxe, sem dúvida, questionamentos sobre o comportamento da vida comunitária a todos nós. Em especial para muitos LGBTs que vivem sozinhos, longe de seus familiares e não puderam, até agora, sair de suas casas para vê-los, bem como estar com quem mais está perto de nós em nossas vidas: os amigos.

Mas quais foram os pontos positivos de tudo isso até aqui? Muitas páginas especializadas em conteúdo LGBT falaram, nos últimos 3 meses, com centenas de LGTBs confinados e sobre suas maneiras de driblar a solidão, o tédio, a falta de trabalho, o tempo livre, a falta de sexo e, principalmente, a vontade de voltar à sua rotina. A resposta é, em sua maioria, uma: eu criei uma nova rotina.

Naturalmente que eventos mundiais como esses promovem reflexões profundas sobre nosso comportamento, a maneira como a gente encara as relações e a forma como a gente se conecta com as pessoas e as necessidades.

Talvez seja hora de entender o que é necessidade, o que importa e o que é acúmulo. Quais das coisas antigas que tínhamos como hábitos e rotinas poderiam estar nos fazendo mal e tirando horas de sono, horas de exercícios físicos, boas leituras, momentos para estar sozinhos ou até o tempo de desenvolver um novo hobby.

A humanidade está em constante mudança, mas ela sempre começa de dentro pra fora e cada um de nós, a partir de nossas re flexões, é responsável, agora, pela mudança pós quarentena. Mas uma mudança que seja capaz de contribuir com a vida coletiva e não apenas individual. Essa é a hora de pensar em nossa comunidade, de forma vamos sobreviver a essa pandemia e continuar conquistando nossos direitos.

Marcio Rolim é editor de conteúdo do Hornet e do site Observatório G para os quais já escreveu mais de 3 mil artigos de sobre comportamento LGBTQIA+ e também produz conteúdo para o canal Bee40tona no Instagram e no YouTube.

Quantcast