Quantcast
Soropositividade: o presente que São Paulo me deu (NSFW) História

Soropositividade: o presente que São Paulo me deu (NSFW)

Written by Marcio Rolim on February 15, 2019
Be first to like this.

Soropositividade é uma palavra que reúne um prefixo amaldiçoado pelo preconceito, mas um sufixo que equilibra a esperança de que um dia, todos entendamos que é possível viver e ser feliz sem culpa e sem medos de sua sorologia. A história e o trabalho de Órion Lalli nos mostra como.

 

2017 foi um ano de transição, passei a enxergar minha vida de outra cor. Vivendo em São Paulo, eu, menino interiorano maravilhado com as grandezas arquitetônicas da cidade que não dorme.  Creio que, como grande parte das pessoas que são  diagnosticadas com o vírus do HIV, tive meu momento de luto. Não sabia nada sobre o vírus, não tinha quaisquer informações dos tratamentos, era completamente ignorante. Cheguei a pensar em suicídio. Assumo. Vivi meu luto. Uma semana, era essa a data limite que me propus. Chorei. Pensei. Pensei demasiado e descobri que seria melhor que fizera arte disso tudo para trasnfigurar a forma com que a sociedade enxerga o HIV.

Soropositividade

Meu corpo é matéria/construção artística. Enquanto propositor necessito desse corpo para dizer dentro e fora dele. Decido nesse momento montar performances porno/sexuais e junto com elas crio minha primeira revista – PORNO ZINE HOMO EROTIC, projeto para o qual chamei alguns garotos e batia um papo com eles, sobre o modo de pensar e viver a  vida no meio gay paulistano. Um apanhado de conversas registradas em fotos sem  roupa, em preto e branco. Necessitei tirar as cores para ver todas as cores que me seguia. A primeira edição não foi impressa. Guardo comigo como forma de pesquisa e registro desse rito de passagem. Decido no fim de 2018 fazer uma viagem de autoconhecimento, um respiro da loucura cotidiana.

Soropositividade

Passando pela costa do Uruguai, Argentina e Chile, começo aí a segunda edição da revista agora sim impressa e disponível pra venda alem de um filme, que estreia no meio de 2019, sobre minha busca enquanto corpo soropositivo. Fotografei todo sexo que tive durante a viagem, mesclando alguns poemas meus traduzidos para o espanhol e imagens sacras capturadas por mim pela estrada que se seguia. Convidado para apresentar esse trabalho em feiras porno nos três países, me sentia livre mostrando homoafetividade e poesia para quem quer que seja. 

A revista já esta na terceira edição e venho buscando novos corpos transantes. Quem quiser adquirir a revista, PORNO ZINE HOMO EROTIC e saber como fazer parte dela só me seguir no Instagram @orionlalli.

 

Órion Lalli é ator, diretor do Grupo Tarto de Teatro. Com família de artistas vem trabalhando com residências artísticas desde seus 4 anos de idade. Seu mais recente espetáculo “Part-ir do Corpo” que fala sobre suicídio LGBTTQI+ passando por diversos festivais e levando na bagagem 11  Indicações e 6 Prêmios * Melhor Coreografia * Melhor Iluminação * Melhor Direção * Melhor Cenografia * Melhor Atriz * 2° MELHOR ESPETÁCULO.

Read more stories by just signing up

or Download the App to read the latest stories

Already a member? Log in
Português
  • English
  • Français
  • Español
  • ไทย
  • 繁體中文